Jorge Castanho

Jorge Castanho
Beja, Portugal (1961)

Habilitações Literárias

2006 - É titular do grau de Doutor em Desenho, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Sevilha
com tese intitulada:
“La interpretación plástica de la cabeza del hombre, su representación en el Dibujo y su aplicación en gráficos 3D” (2006)
obtendo a classificação de Sobresaliente Cum Laude por unanimidad.

2002 -Diploma de estudios avanzados (DEA) em Desenho, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Sevilha.

Licenciado em Escultura pela Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa.

Investigação

2017 - Investigador integrado no Centro de Investigação e de Estudos em Belas-Artes
da Faculdade de Belas-Artes da Universidade
de Lisboa, Secção de Investigação e de Estudos de Anatomia e Ilustração Científica.

Desenvolveu entre 2007 e 2013 dois programas de Pós-doutoramento em Desenho na FBAUL:
“A diversidade morfológica e o imaginário: modelação e animação das principais ocorrências
na representação plástica do corpo humano”, de setembro de 2007 a julho de 2010;
e “Desenho de anatomias bio-inspiradas e robóticas”, de setembro de 2010 a julho de 2013.
Bolsas

2007/2013 - Bolseiro de pós-doutoramento da Fundação para a Ciência e a Tecnologia no Centro
de Investigação e de Estudos em Belas-Artes da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa.

2001/2005 - Bolseiro de doutoramento do Ministério da Cultura na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Sevilha.

Experiência Artística (exemplo)

Exposição coletiva - “Animalia e Natureza na Coleção do CAM”, Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian
Outubro de 2014 a Maio de 2015.

Expõe regularmente no Espaço Navegantes, Art Research na Rua dos Navegantes 58 B, em Lisboa.

Durante a década de 1990 , foi diretor artístico e comissário de diversos projetos de Arte Contemporânea, colaborou
em livros e catálogos de Arte e participou em conferências.

Organizou com a Fundação Calouste Gulbenkian e a Câmara Municipal de Beja a Retrospetiva da Arte Portuguesa Anos
nos 50, Biblioteca de Beja; SNBA, 1992.

Do seu trabalho artístico destaca-se o Monumento ao Mineiro (Des)conhecido, Mina de S. Domingos, Mértola, Portugal.

Todos os direitos reservados a Helder Alfaiate Galeria | 2014
Cooked by Makeadream